sábado, 2 de julho de 2011

Experiência precoce

Que influência tem a aprendizagem no nosso desenvolvimento? Onde acaba a aprendizagem e começa a maturação?
    É difícil separar o efeito de cada um ou mesmo saber qual tem mais influência relativamente ao desenvolvimento psicológico. A verdade é que a aprendizagem precoce ajuda no desenvolvimento de uma criança, mas só a maturação determina quando está preparado para avançar no processo de desenvolvimento.
    Podemos observar isso mesmo a partir de um exemplo dado pela professora na aula de psicologia do desenvolvimento. As crianças desde cedo são estimuladas a caminhar, através do gatinhar ou da insistência dos pais para que se mantenham de pé e as crianças começam realmente a caminhar em determinada idade, geralmente, entre os 13 e 18 meses. No entanto crianças dos índios Hopis são mantidos nos seus berços durante os 3 primeiros meses da sua vida com muito pouca estimulação muscular começam a caminhar com a mesma idade que as outras crianças. Isto porque é necessário a maturidade neural e muscular devida para que as capacidades motoras se desenvolvam.
Isto significa que a capacidade de andar  é inata no ser humano, no entanto é preciso o tempo necessário para que o bebé se desenvolva para ser capaz de exercer essas mesmas actividades. 


Projecto de Treino Precoce

    Este projecto teve início em 1962 e estuda o crescimento e desenvolvimento de crianças com ligeiros atrasos psicológicos e com idades entre os 4-5 anos.
    O estudo é feito com 90 crianças que são divididos em dois grupos. o primeiro grupo é submetido a determinados tratamentos a fim de uma maior e melhor evolução,o enquanto que o outro serve apenas de controlo.
    O programa envolve visitas semanais por parte da equipa a casa das crianças durante todo o ano e ainda, no verão, durante 10 semanas as crianças são integradas em pré-escolas durante parte do dia. Este programa dura 2-3 anos, a partir daí o desenvolvimento da criança dá-se naturalmente.
    Quando estas crianças atingem os 18 anos de idade são feitas as comparações finais entre os dois grupos e o que se verifica é que o grupo sujeito a tratamentos passou a necessitar de menos assistência a nível educacional.
    O objectivo deste programa influenciar positivamente a evolução destas crianças através de alteração de atitudes e aumento das aptidões destas crianças.
    No nosso ponto de vista este projecto teve um impacto positivo no desenvolvimento destas crianças uma vez que a longo prazo trás bastantes benefícios para o nível cognitivo da criança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário