sábado, 2 de julho de 2011

Desenvolvimento pré-natal

A vida começa quando as células germinais dos pais se encontram.  
Cada um dos pais contribui com 23 cromossomas. Neste momento é definido o potencial genético do indivíduo. Esta única célula possui toda a herança genética do pai e da mãe, mas a sua realização irá depender de factores ambientais e hereditários.
Este desenvolvimento dá-se em 3 períodos: o período germinal, o período embrionário e o período fetal.

O período germinal é desde a concepção até à primeira semana. Neste período ocorrem inúmeras mitoses. É quando se dá a formação do óvulo.

O período embrionário é desde a segunda semana até ao segundo mês. Esta fase caracteriza-se pela formação da maioria dos principais sistemas do corpo.
Cada camada do embrião dá origem a certos sistemas do corpo.


O período fetal é desde a oitava semana até ao final da gravidez. É quando o corpo cresce e se aperfeiçoam os órgãos e os sistemas começam a funcionar. E também os órgãos e os músculos se tornam funcionais. Nesta fase o feto também muda para uma posição de cabeça para baixo e então o corpo da mãe prepara-se para o nascimento.

Durante a vida intra-uterina, o indivíduo poder receber a influência de vários factores que determinarão o curso do seu desenvolvimento, sendo alguns deles: a idade e dieta da grávida, o uso abusivo de drogas e medicamentos, infecções.
De uma forma geral, o período pré-natal tem um significado psicológico, social e biológico quer para a criança, quer para a família. Este afecta a criança mesmo antes do seu nascimento.
Quando maior a idade da mãe maior é a probabilidade do filho ter problemas.

3 comentários:

  1. Muito didática á explicação, eu particularmente gostei muito e me ajudou muito também . Obrigada !

    ResponderExcluir
  2. Muito didática á explicação, eu particularmente gostei muito e me ajudou muito também . Obrigada !

    ResponderExcluir